terça-feira, 16 de novembro de 2010

ou fato

do quanto que no sonho um cheiro que se venha. pensei nas roupas que poderia roubá-las todas. e nunca mais sentir falta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário