segunda-feira, 4 de julho de 2011

fodeu, que coloquei o Songs of Love and Hate

dizer é muito pouco
é suficiente
é só o que podemos fazer


faz um chá pra mim que vou
fazer um chá pra ti que vamos
cada um fazer um chá pro outro
que é melhor que isso tudo

mas dizer não é só
isso que faz dizer ou que faz
esse tanto de bobagem

levanta, sapateia, vira do avesso,
acha umas tintas, sai do buraco,
grita pro alto e as nuvens são só
água que não caiu ainda

a gente pode até rogar pra morrer afogado
pode até tanta coisa - poderia -
pudera -
adianta de nada.

não sei se faço isso por necessidade
de me mexer, não sei,
não sei porque ainda me pergunto isso, não sei,
não sei porque isso segue e não cessa,

não sei também,
não sei, não sei, e não sei,
como se repetir adiantasse de alguma coisa,
não sei, mas ainda vai, não sei, porra-não-sei,
que não-sei grandão, hein?,
cada um mostra o tamanho do seu não-sei
e compara, mas adianta não, adianta?,
não sei, chega perto, sai de perto,
não sei, pra quê?, não sei, e segue,
é, ainda vai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário