quarta-feira, 10 de agosto de 2011

cara pálida

eu entendo a vergonha que você sente de você
eu sinto a mesma

Nenhum comentário:

Postar um comentário