sábado, 24 de março de 2012

quadrineiro

o balé
no peito
é essa coisa sem nome
ariscante e menina
trezeanos for life and for good

coroa na cabeça,
sorri
é tola
algo bela
e merece amor, muito amor,
porque morre como qualquer outra,

- adianta
esse esvoaçar
se sou de carne
e apodreço? -

imensa de vontade,
algo agressiva,
até ofende,

apieda da coitada,
deixa que com as pedras - haha - ela faça o castelinho
e, com as bonecas, suas filhas encantadas, ela cante histórias
e doces, até o fim dos tempos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário