quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

e se choro lagoas de lágrimas e me acolhem as mãos as flores do campo


Nenhum comentário:

Postar um comentário