segunda-feira, 1 de junho de 2015

ref. de petit jouet #1990

"Em primeiro lugar, assinalemos que uma desordem estática é imaginada como um conjunto agitado: as estrelas são tantas que parecem, nas belas noites de verão formigar. A multiplicidade é agitação. Não há, na literatura, um único caos imóvel. Quando muito, se encontra [...] um caos imobilizado, um caos petrificado. E não é sem razão que nos livros do século XVIII e dos séculos anteriores vê-se a palavra chaos ortografada cahots [solavancos]. Mais eis o paradoxo recíproco. Basta olhar – ou imaginar – um conjunto de corpos que se agitam em todos os sentidos para que se lhe atribua um número que ultrapassa em muito a realidade: a agitação é multiplicitade"

Gaston Bachellard, citado em
http://bdtd.bce.unb.br/tedesimplificado/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=6099
pg 49

Nenhum comentário:

Postar um comentário